A copa da Jabulani

Jabulani

A copa do mundo da África do Sul vem surpreendendo pela sensível evolução nas transmissões das emissoras de TV. Para os brasileiros, essa é a primeira copa em HD e com a TV Digital aberta. Como nas últimas copas do mundo, a venda de aparelhos de TV surpreendeu até os mais otimistas. Em diferentes tamanhos e com novas tecnologias, o brasileiro entendeu que esse era o momento de aproveitar as promoções e novidades. Ainda destaco o impulso que a TV digital deu aos portáteis. Seja no carro ou pelo celular, o importante é estar ligado nos jogos do mundial.

Mesmo com tantas surpresas tecnológicas no mundo das telecomunicações, o assunto que ainda se destaca é a polêmica bola oficial do mundial. A Jabulani, que significa “celebrar” no idioma zulu, foi desenvolvido para a Adidas pelo engenheiro Andy Harland, do Departamento de Tecnologia do Esporte da Universidade Loughborough. Embora admita que os primeiros testes tenham sido realizados com robôs, o engenheiro afirma que dezenas de jogadores e atletas testaram a bola antes de ela ser distribuída ao mercado. “No fundo, o que tentamos criar é uma bola consistente e que permita que os melhores jogadores do mundo possam colocar em prática seu talento”, diz Harland.

Fabricada pela Adidas, a famosa Jabulani foi criticada por muitos jogadores, que tiveram dificuldade em se adaptar a sua velocidade. Mais leve que suas antecessoras, a bola atinge maior velocidade e, para apimentar, se mantém mais tempo no ar, provocando curvas inesperadas. O terror dos goleiros, como vem sendo chamada, vem sendo protagonista em muitas jogadas e “frangos” desse mundial.

Termos: , ,

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

Troféu Belezura

Quem é o jogador mais bonito da Copa?

Não há dúvidas de que a Copa do Mundo é o assunto do momento. Se o Irã pretende mesmo construir uma bomba atômica, não é tão importante agora. A eleição para presidente fica pra depois. O que a maioria dos brasileiros quer mesmo saber é sobre o campeonato mundial de futebol e o horário em que o chefe vai liberar o pessoal nos dias dos jogos do Brasil.

Mas, para sorte das mulheres (e de quem mais interessar), o campeonato mundial de futebol não se restringe a torcer pelos gols, a comentar os lances mais importantes do jogo ou a xingar o juiz. Podemos, também, apreciar a beleza de alguns jogadores. Não é o meu caso, mas, pra quem não curte futebol, é uma maneira de tornar o campeonato mais interessante.

O site Troféu Belezura está fazendo um campeonato a parte com a disputa pelo título de jogador mais bonito do mundial de futebol da África do Sul. No site, ganha quem tiver mais votos nos quesitos “boa pinta”, “gente fina”, “craque” e “quanto vale o show”. Além dos óbvios Cristiano Ronaldo e Kaká, você pode descobrir vários outros jogadores que fazem valer a pena perder 90 minutos em frente à TV.

Para visitar o site do Troféu Belezura, é só clicar aqui.

 

Termos: ,

Comente Publicado por Flávia Neves
Bookmark e Compartilhe

Só uma olhadinha

Luke Pearson

Por Luke Pearson no Bobagento

Termos: ,

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

O Google está em ritmo de copa do mundo

Espero que esse gol seja do Brasil...

Já não é novidade as surpresas que o Google apronta em seu buscador. Além das cotidianas mudanças na página principal, quando a empresa homenageia personalidades e datas especiais, agora foi a vez da Copa do Mundo na África do Sul.

Termos: ,

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

Excesso de informações provocado pelo avanço da tecnologia altera capacidade de concentração

O uso constante da tecnologia muda o comportamento do cérebro e faz informações importantes serem descartadas / Foto: reprodução

SÃO FRANCISCO – Quando um dos mais importantes e-mails da vida de Kord Campbell chegou à sua caixa de mensagens, simplesmente passou despercebido, Não por um ou dois dias, mas por 12 dias. Ele finalmente viu o recado que uma grande companhia estava interessada em comprar um programa que ele havia desenvolvido.

- Meu Deus, como é difícil me perdoar por não ter visto antes um e-mail como este – disse ele em entrevista ao “New York Times“.

O e-mail não foi visto apesar de Campbell estar sempre ligado em duas telas de computador, dormir ao lado de seu iPhone, receber mensagens o tempo inteiro, SMS, participar de chats e ser bombardeado o tempo todo por informações variadas.

Depois de se desculpar pela falha e receber seu US$ 1,3 milhão pelo projeto, Campbell continua sofrendo com o excesso de informações que ele e a maioria das pessoas que vivem o dia a dia contemporâneo recebem. Mesmo depois de desligar as máquinas, ele se esquece de combinados para o jantar e tem dificuldades em focar na sua família. Sua mulher, Brenda, reclama:

- Parece que ele não consegue viver momento algum plenamente.

A superestimulação provoca excitação – e gera a produção de dopamina – que os pesquisadores dizem que pode ser viciante. Na sua ausência, as pessoas sentem-se entediadas

Termos:

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

Outdoors para apreciar

No meio das muitas informações visuais que temos nas ruas, um outdoor consegue se destacar entre os outros pela sua criatividade e inovação. Neste post, trazemos exemplos de outdoors que fogem do padrão e encantam pelas boas idéias de seus criadores.

Termos: ,

2 Comentários Publicado por Flávia Neves
Bookmark e Compartilhe

Você consegue prestar atenção?

por Eduardo Fernandes

Imagem: revista Wired.

O site da revista Wired publicou uma interessante matéria sobre fragmentação da atenção. Segundo a jornalista especializada em ciência, Maggie Jackson, vivemos numa era com cada vez mais distrações competindo entre si, o que nos leva a prestar menos atenção no que lemos, ouvimos e até mesmo nas conversas que temos uns com os outros. Tudo isso estaria nos deixando limitados e menos criativos:

Esse nível de interrupções está relacionado com estresse, frustração e diminuição da criatividade. Isso faz sentido. Quando você está disperso e difuso, você é menos criativo. Quando seu tempo para refletir está sempre esburacado, é difícil resolver problemas, criar relações entre pensamentos e pensar.

Termos: ,

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

Trabalho em equipe: desenvolva esta habilidade

por Maiara Tortorette

Saber trabalhar em equipe é característica essencial para se conseguir uma oportunidade no mercado de trabalho. O projeto ou trabalho, que antigamente era realizado de forma mais individual, hoje tem uma característica mais coletiva. Reunindo a experiência de cada um, a divisão intelectual das atividades, potencializa os resultados. Na maioria dos processos seletivos, essa habilidade se tornou um diferencial. Aquele que não atende a esse perfil, dificilmente conquista a colocação almejada, uma vez que a comunicação é ferramenta chave em qualquer relação, principalmente profissional.

Gestores precisam e querem colaboradores que se comuniquem, que construam ideias novas e que pensem juntos para o desenvolvimento da empresa. Se até pouco tempo atrás apenas os profissionais de nível hierárquico mais elevado podiam (e deviam) contribuir com a empresa nesse sentido, hoje o comprometimento coletivo é imprescindível, independente de cargos e funções, atribuindo assim a devida importância à convivência em grupo.

Comente Publicado por Rodrigo Seco
Bookmark e Compartilhe

Receba as publicações no seu e-mail

Eventos

  • Nenhum evento encontrado

Arquivo de publicações

Não há restrição quanto ao uso e reprodução dos artigos aqui publicados, desde que as fontes e seus respectivos autores sejam preservados. © 2017 Quintal Virtual